Ame-se

Querer-nos nos faz bem, nos faz felizes. E é o melhor presente que podemos oferecer aos outros...

separador

Os últimos tempos foram para mim de muita aprendizagem, de muita atividade. Nesta etapa minha atenção se centra na prática da Lei da Atração, entre outras coisas lendo a trilogia “Reality Transurfing”, cujo autor é Vadim Zeland e que trata sobre a Lei da Atração, mas com um enfoque muito original.

Sempre que estou assim “ocupado” passam semanas sem que haja novos artigos neste blogue. Quisera então deixar aqui esta reflexão:

Sentir-se bem é fácil, amar-se é algo natural, viver conscientemente o “aqui e o agora” e desfrutar com plenitude do momento presente é a coisa mais simples do mundo… no entanto, também é verdade que para alcançar essas metas muitas vezes temos que trabalhar duro e sustentar esse esforço ao longo do tempo.

Clique sobre a imagem para ampliá-la…

Mapa para chegar ao refúgio interno

Percorrer as simples etapas representadas neste excelente desenho é muito fácil, mas desenvolver a capacidade de viver permanentemente nesse último “refúgio”, que representa o estado de bem-estar que tanto desejamos, seguramente demandará de nós constante dedicação.

De todo labirinto se sai por cima

A solução de qualquer problema costuma ser muito simples, mas encontrá-la muitas vezes é uma tarefa que requer nosso esforço e compromisso e costuma implicar a incorporação de novos conhecimentos e o desenvolvimento de novas habilidades. “De todo labirinto se sai por cima” dizia o escritor Leopoldo Marechal, mas descobrir essa “nova dimensão” que permite a imediata solução de certos problemas talvez não seja algo tão fácil e imediato.

O Dr. Ihaleakalá Hew Len, graças a quem conhecemos a técnica de Ho’oponopono, sempre declara que em nenhum momento deixa de aplicar essa técnica em sua própria vida com a finalidade de continuar evoluindo. Cada vez que por sua atividade profissional se encontra com pessoas que compartilham com ele seus problemas, ele aplica Ho’oponopono para curar a sua própria mente.

E como provavelmente nosso destino seja também continuar aprendendo ao longo de toda nossa vida é uma excelente ideia aceitar esse destino como uma bênção e continuar percorrendo nosso caminho pessoal com serenidade e alegria.

Axel Piskulic

A técnica de Ho’oponopono e a Lei da Atração

Honestamente este título é só uma desculpa para compartilhar os seguintes vídeos.

O primeiro é muito apropriado para uma página de internet como esta porque promove valores positivos e tem uma mensagem esperançosa e otimista. E sempre temos que recordar que a Lei da Atração nos permite criar de maneira consciente uma realidade melhor.

E o segundo é um desses vídeos que não deveriam estar aqui… mas que sempre dou um jeito para compartilhar de todas as maneiras! É de duvidoso bom gosto e de um humor muito discutível. E aplicar a técnica de Ho’oponopono nos permite curar nossa mente precisamente cada vez que nos encontramos inesperadamente com algo de que não gostamos…

Axel

Tradução de Ana Lúcia de Melo
Curta-metragem “Marin”, de Alexandre Bernard, Pierre Pages e Damien Laurent.
Curta-metragem “Monkey Spoon”, de John Turello.
Compartilhar este artigo no Google +

Se você gostou deste artigo, por favor...

Não se vá sem compartilhá-lo no Facebook, Twitter ou Google+

Não se vá sem deixar seu comentário

Não se vá sem se inscrever grátis por e-mail... Obrigado!

line